Ensino Fundamental
Sala de Aula
Memorizar sim, mas como?
Organizado por: Kátia Stocco Smole - Coordenadora do Mathema
Idade Recomendada : A partir da segunda série do ensino fundamental Leia mais sobre o assunto na seção Reflexões.
Objetivos:
  • Desenvolver o cálculo mental
  • Busca de padõres e expressão das regularidades percebidas
  • Favorecer a memorização dos fatos básicos da multiplicação
  • Resolução de problemas

Duração aproximada: A duração para essas propostas dependerá de cada classe, no entanto sugerimos seguir as orientações que damos para os jogos, ou seja, de 4 a 5 aulas para cada atividade, distribuídas ao longo de 1 mês em uma aula por semana.
Por que Sempre recebemos um bom número de consultas a respeito de atividades para auxiliar os alunos a memorizarem as tabuadas. Em cada consulta procuramos responder esclarecendo que em primeiro lugar é preciso que os alunos saibam o significado de multiplicar, tenham clareza das idéias envolvidas na multiplicação e que sempre, em qualquer fase da escolaridade possam resolver diversas situações problemas nas quais as multiplicações aparecem.
No entanto, também dizemos que alguma memorização é necessária para auxiliar no desenvolvimento de processos mais sofisticados de cálculo, especialmente de cálculo mental. Com o intuito de auxiliar as professoras de 2ª a 4ª série nessa questão, organizamos uma série de atividades nesse sentido.
Para começar

 1- É preciso ensinar a estudar a tabuada. Assim converse com seus alunos sobre como eles estudam, quais as estratégias que utilizam e faça com eles uma lista que deve ficar na sala e outra no caderno de cada um.

Listas coletivas sobre como estudar as tabuadas feitas por alunos de 2ª série Colégio Marista Santa Maria em Curitiba:

SUGESTÕES PARA ESTUDAR TABUADAS (2ª série)

Nós discutimos e decidimos experimentar estudar tabuada de um desses jeitos:

  • Pedir para a mãe tomar a tabuada
  • Fazer uma lista e colocar num lugar que a gente veja sempre: espelho, porta do armário, na escrivaninha, etc.
  • Fazer jogos em casa (pode ser um da escola ou do computador)
  • Escrever a tabuada algumas vezes
  • Estudar com a calculadora
  • Estudar com a irmã ou o irmão
  • Ler as tabuadas algumas vezes

Lista final, coletiva, com estratégias selecionadas pela classe toda e que serviu de base para eles estudarem o ano todo. Cada criança escolheu uma estratégia por mês para estudar as tabuadas, ao final do mês avaliava se era boa, se ela se adaptava àquela forma ou não, etc. Desse modo ao final do ano todos tinham suas estratégias preferidas para estudar.

2- Caso eles não conheçam nenhuma estratégia, sugira uma ou duas ou peça que conversem com os pais sobre como eles estudavam. Os alunos podem se preparar para os jogos experimentando uma das formas, analisando suas vantagens e desvantagens e criando estratégias pessoais para isso.

Texto da aluna Cristiane da 4ª série do colégio Marista Ir. Francisco Rivat, de Brasília refletindo sobre seu desempenho e dos amigos no jogo Salute Multiplicativo.



  • O jogo foi legal e todo mundo participou, só teve a Danielle que não quis ser a juíza. Eu acho que a gente deve estudar mais um pouco, e Everaldo precisa parar de conversar é só isso que eu observei. O jogo é jogado assim: fica o juiz e dois jogadores, os dois jogadores têm que saber a multiplicação do resultado que o juiz falou, quem ganhou foi Everaldo e em segundo lugar fui eu.
    25/09
  • Dessa vez eu fui melhor, eu ganhei duas vezes e a Indiara também ganhou duas vezes, mas o Anderson não ganhou nenhuma vez. As vezes eu não aceitava perder, quando a Indiara foi a Juíza, ela estava falando os resultados errados... 10/10

3- Lembre que a freqüência é melhor que a quantidade. Assim eles não devem fazer as tabuadas muitas vezes em um dado período do ano e depois interromper. O ideal é que tenham propostas desafiadoras toda semana, desde a segunda série para que vejam necessidade de conhecer os resultados das multiplicações até 10 x 10.

4- Seus alunos iniciam a memorização das tabuadas na 2ª série e têm até o final da 4ª série para finalizar esse processo.

5- Jogos, problemas e atividades que envolvem regularidades são as melhores e mais desafiadoras formas de levá-los a perceber como e porque memorizar as tabuadas.

Para a segunda série: Você pode utilizar o jogo do Stop ou o Boliche. Pode ainda confeccionar com eles a Tábua de Pitágoras.
Para a terceira série: Podemos propor a atividade Eu tenho, quem tem?
Para a quarta série Proponha o jogo Salute que está na seção de Jogos 1ª a 5ª séries, fazendo a variação para multiplicação. Desenvolva com eles o problema Descobrindo números ocultos.
Para saber mais:

E por falar em tabuada...
João Bianco e Mônica Marsole, ed Caramelo.

Multiplicação - problemas, jogos e enigmas.
David L. Stienecker, ed Moderna.

Multiplicação - Coleção Matemática Divertida,
Peter Patilla, ed Melhoramentos.

http://www.novaescola.com.br
Na página principal usar a busca com a palavra Tabuada.